NanoPulse System

Nanopulse System é um dispositivo exclusivo no mercado, graças ao seu poder de voltagem. É um dispositivo terapêutico médico registado como CE Classe IIA.

Este aparelho médico consiste numa medida tecnológica que pode conseguir deter drasticamente a expansão de todos os problemas de saúde, activando os processos naturais de cura do nosso organismorestabelecendo a nossa carga celular necessária para executar com êxito todos os processos bioquímicos.

As células quando perdem o potencial de membrana perdem também a capacidade de executar correctamente processos metabólicos.

Inicia-se assim uma reacção biológica com interrupção dos processos bioquímicos, que produzem sintomas ao nível dos órgãos, compostos de células.

Como funciona?

A queda de tensão e respectiva carga é a causa da maioria das disfunções celulares. A NanoPulse System® eleva, por meios electrónicos externos, a voltagem das células até ao seu estado de equilíbrio saudável.

As células passam a comportam-se como células normais, recuperando as funções perdidas.

A NanoPulse tem como principal objectivo a eliminação de células debilitadas ou regeneração do seu potencial eléctrico, utilizando o campo magnético natural da Terra.

Quais as aplicações?

• Regeneração dos tecidos e reparação óssea.

• Estimulação do sistema imunológico, estimulação nervosa.

• Efeito anti-inflamatório, cicatrização de feridas.

• Tratamento da osteoartrite.

• Modulações neuroendócrinas.

• Alterações no fluxo sanguíneo cerebral, após uma lesão ou trauma, doenças do coração, hipertensão.

• Neurite, dores fantasmas e polineurite vegetal.

• Ganglionite inflamatória dos troncos simpáticos

• Doenças isquémicas ligeiras e de grau médio do coração, endoarterite, arteriosclerose oclusiva

• Insuficiência venosa crónica, úlceras

• Asma bronquial e pneumonias prolongadas.

• Doenças ulcerosas do estômago e do duodeno.

• Enfermidades do trato urinário.

• Hepatite, incluindo a viral e pancreatite.

• Doenças distróficas e inflamatórias das articulações, fracturas de ossos.

• Dermatite crónica, psoríase e esclerodermia.

• Otite, amigdalite, dores de dentes, furúnculos

• Doenças víricas bacteriológicas

• Contusões, entorses, luxações.

• Espasmos musculares, tendinites, epicondilite

• Glaucoma, hepatite.

• Doenças gastrointestinais

• Doenças neurológicas

• Doenças degenerativas

• Medicina Desportiva e Reabilitação, Fisioterapia.